demo

Polir um carro é um processo que remove literalmente uma pequena camada de tinta do acabamento de um carro, expondo uma camada de tinta mais fresca por baixo. Esse processo restaura o brilho original e melhorará a aparência do carro como um todo. Se você não cuidar de pequenos riscos e arranhões eles podem formar ferrugem o que diminuirá a beleza do veículo e reduzirá o valor do carro. Ao polir um carro a cada 2 a 3 meses, ele ficará mais esteticamente agradável e manterá o acabamento por mais tempo.

 

O polimento é uma técnica mais antiga e conhecida dos motoristas. Ela é perfeita para quem está com manchas na pintura, riscos pouco profundos, queimaduras de sol, manchas de dejetos de pássaros, carros repintados ou que não possuem mais o brilho de antes.

O método é realizado com uma massa abrasiva e politrizes em alto número de rotações. Em alguns casos, até uma lixa d’água fina é usada para retirar aquelas manchas e sujeiras mais difíceis, mas isso pode retirar um pouco do verniz da tinta. Veículos com tonalidades mais escuras como preto, azul marinho, marrom e chumbo merecem mais atenção, pois podem revelar mais facilmente um trabalho inadequado.

O procedimento é muito eficiente e deixa a pintura com cara de nova, mas deve ser feito com moderação. A técnica de usar o conjunto de politriz e produtos abrasivos deve ser feita minuciosamente, e especialistas recomendam que seja executada apenas três vezes no máximo durante a vida útil do carro.

Em resumo: o polimento é muito bom, mas deve ser feito quando o carro estiver realmente precisando.

Fonte: www.meuportoseguro.com.br